Conectando uma nova geração de criadores que vive São Paulo do centro às margens

Estratégia Criativa, Concept, Direção Criativa, Redação, Execução
Cliente: Melissa, Agência: Hood

Time Criativo

Concept: Daniela Szwarc

Execução Criativa: Elisa Gijsen

Design: Felipe Rocha

Redação: Gustavo Bonfiglioli, João Francisco Hein, Laura Zamboni e Pedro Damasio

Foto e filme: Fabiano Rodrigues, Hick Duarte, Lucas Cabu, Vivi Bacco e Vtao Takayama

Relacionamento e Gestão: Carolina Dutra e Carolina Zibetti

Overview

O Meio-Fio conectou 36 artistas pioneiros que vem de diferentes realidades sociais e culturais de São Paulo para desvendar o que há por trás das expressões artísticas que marcam a nova cena da cidade. Por trás de uma música, uma foto, uma instalação ou uma roupa existem histórias de vida poderosas que moldam as criações.

Através de uma metodologia de desenvolvimento co-criada com alguns dos curadores mais relevantes da atualidade, o projeto estabeleceu uma rede de colaboração poderosa. Durante dois anos, o Meio-Fio promoveu trocas, lançou desfiles, videoclipes, exposições e performances e levou projetos para mostras de arte que antes eram inacessíveis aos artistas. Suas vidas e processos foram documentados em tempo real em plataformas proprietárias.

A força do Meio-Fio está na troca cultural: o projeto criou laços entre jovens criadores que não se conheciam, e a partir dessa conexão surgem até hoje trabalhos potentes. A Melissa se tornou parte dos assuntos que mobilizam a nova geração agindo como o elo que conecta quem está influenciando os rumos culturais do Brasil.

O Meio-Fio conectou 36 artistas pioneiros que vem de diferentes realidades sociais e culturais de São Paulo para desvendar o que há por trás das expressões artísticas que marcam a nova cena da cidade. Por trás de uma música, uma foto, uma instalação ou uma roupa existem histórias de vida poderosas que moldam as criações.

Através de uma metodologia de desenvolvimento co-criada com alguns dos curadores mais relevantes da atualidade, o projeto estabeleceu uma rede de colaboração poderosa. Durante dois anos, o Meio-Fio promoveu trocas, lançou desfiles, videoclipes, exposições e performances e levou projetos para mostras de arte que antes eram inacessíveis aos artistas. Suas vidas e processos foram documentados em tempo real em plataformas proprietárias.

A força do Meio-Fio está na troca cultural: o projeto criou laços entre jovens criadores que não se conheciam, e a partir dessa conexão surgem até hoje trabalhos potentes. A Melissa se tornou parte dos assuntos que mobilizam a nova geração agindo como o elo que conecta quem está influenciando os rumos culturais do Brasil.

36 criadores das 5 regiões de São Paulo

Alexandre Heberte ¹ / Aline Tima ² / Apolinário ³ / Daniella Tinório ⁴ / Estileras ⁵ / Linn da Quebrada ⁶ / Pistache Ganache ⁷ /  Mel Duarte ⁸ / Zé Vicente  ⁹ / Bia Bittencourt ¹⁰ / Chantal Sordi ¹¹ / Duda Porto de Souza ¹² / Eduardo Costa ¹³ / Glamour Garcia ¹⁴ / Gustavo Silvestre ¹⁵ / Marcelo Moraes ¹⁶ / Camila de Alexandre ¹⁷ / Carolina Rycca Lee ¹⁸ / Ariel Nobre ¹⁹ / Renato Custódio ²⁰ / Anna Mascarenhas ²¹ / Flávia Madeira ²² / Badsista ²³ / Lidia Thays²⁴ / Ana Arietti ²⁵ / Solenn Robic ²⁶ / Nataly Neri ²⁷ / Verena Smit ²⁸ / Ariana Milliorini ²⁹ / Anne Oliveira ³⁰ / Iris Ingrid ³¹ / Tasha Okereke ³² / Tracie Okereke ³³ / Mayara Efe ³⁴ / Brandon Xavier ³⁵ / Ricardo Boni ³⁶

No items found.

7 novos projetos culturais lançados

As trocas geraram performances, documentários e histórias que repercutiram nas redes

No items found.

Exibições em espaços de arte icônicos

Os projetos foram exibidos na SP-Arte, a maior feira de arte da América Latina, e na Mostra Meio-Fio no Teatro Oficina. O portal Artsy reconheceu Alexandre Heberte como o artista número 1 para se observar na SP-Arte.